133 mil professores ainda precisam se vacinar contra a gripe em SP

133 mil professores ainda precisam se vacinar contra a gripe em SP

 

 

Mais de 133 mil professores das redes pública e privada de ensino ainda precisam comparecer aos postos de saúde para se vacinar contra gripe, para que SP atinja a cobertura vacinal de 90% entre os grupos do público-alvo. Por isso, nessa reta final da campanha, a Secretaria de Estado da Saúde está convocando aqueles que ainda não estão imunizados para que tomem as doses até o dia 31 de maio, data prevista para encerramento.

Os dados informados pelos municípios paulistas mostram que o Estado já vacinou, mais de 7,6 milhões de pessoas contra a gripe, total que inclui 236,7 mil professores (veja abaixo os números por região). Esse dado representa cobertura vacinal de 57%.

O público-alvo totaliza 13,2 milhões de paulistas e a meta é vacinar no mínimo 12,1 milhões.

Considerando todos os grupos, para atingir a meta de imunizar 90% do público-alvo é necessário que pelo menos 4,4 milhões de pessoas procurem a vacina contra o vírus Influenza até o final da próxima semana.

A campanha foi iniciada em 10 de abril, e desde então também foram imunizadas 1,6 milhão de crianças (54%), 241,7 mil gestantes (53%), 61,5 mil puérperas (83%), 4,5 mil indígenas (85%), 671 mil profissionais de saúde (49%), 3,2 milhões de idosos (67%), 1,3 milhão de pessoas com comorbidades (46%), entre outros.

“É de extrema importância que todos os grupos prioritários compareçam aos postos de saúde para imunização. Pedimos aos professores das redes pública e privada de ensino que deem o exemplo e tomem a vacina, o que ajuda a proteger a saúde deles próprios, dos estudantes e de todos os colaboradores da área de ensino”, afirma o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

“A vacina não provoca gripe em quem tomar a dose, pois é composta apenas de fragmentos do vírus que causam a devida proteção, mas são incapazes de causar a doença”, complementa.

Segundo recomendação da OMS (Organização Mundial de Saúde), a vacina de 2019 irá prevenir a população-alvo contra o vírus Influenza dos tipos A (H1N1), A (H3N2) e B.

A vacina contra gripe é produzida pelo Instituto Butantan, unidade vinculada à Secretaria, que neste ano disponibilizou 64 milhões de doses ao Ministério da Saúde para a realização da campanha em todo o Brasil.

Confira números de doses aplicadas por região:

Região Professores Total
(população-alvo)
Grande São Paulo 87.106 3.258.772
Região de Araçatuba 4.408 132.194
Região de Araraquara 5.363 163.062
Região de Barretos 4.174 89.356
Região de Bauru 12.368 355.286
Região de Campinas 24.963 794.456
Região de Franca 4.149 121.064
Região de Marília 8.708 248.133
Região de Piracicaba 7.780 261.396
Região de Presidente Prudente 7.360 168.952
Vale do Ribeira 2.364 61.333
Região de Ribeirão Preto 6.508 221.764
Baixada Santista 6.392 339.628
Região de São João da Boa Vista 5.125 155.188
Vale do Paraíba 19.785 525.350
Região de São José do Rio Preto 13.240 344.445
Região de Sorocaba 16.954 436.584
TOTAL SP 236.747 7.676.963

COMENTÁRIOS