Alckmin entrega 19 leitos para queimados no extremo leste de SP

Alckmin entrega 19 leitos para queimados no extremo leste de SP

Orçada em R$ 15 milhões, reforma realizada no Hospital Geral de São Mateus ainda inclui ampliação do número leitos de UTI pediátrica e modernização da infraestrutura de diferentes setores da unidade

O governador Geraldo Alckmin entregou na manhã desta terça-feira, 8 de abril, 19 leitos especializados para tratamento de queimados no Hospital Geral de São Mateus, unidade da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo localizada no extremo leste de São Paulo.

Com a reforma, a unidade consolidará como referência de atendimento para vítimas de queimaduras em todo o Estado de São Paulo.

Além dos leitos especializados, a ala de queimados do São Mateus, que abrange uma área de 770 m², ainda contará com quatro leitos de UTI especializada, salas de emergência, curativos e recuperação pós-anestésica e uma nova sala cirúrgica.

Orçada em R$ 15 milhões, a reforma ainda inclui a ampliação de cinco para 10 leitos de UTI pediátrica, adequação e modernização dos serviços de nutrição e dietética, almoxarifado e farmácia e a recuperação parcial da fachada do hospital.  No total, 3,8 mil m² de área da unidade estão sendo reformados.

“Além de melhorar e ampliar a estrutura física, os investimentos realizados no hospitalvisam facilitar o acesso dos pacientes a um serviço moderno que se efetivará como referência principalmente para as vítimas de queimaduras, que requer tratamento altamente especializado e assistência diferenciada”, diz David Uip, Secretário de Estado da Saúde de São Paulo.

 

Perfil

Referência para casos de média e alta complexidades, o Hospital Geral de São Mateus é uma unidade sob administração direta da Secretaria que oferece atendimento de urgência e emergência, internações nas áreas de clínica médica, cirúrgica, ginecológica e obstetrícia, pediátrica e queimados e atendimento ambulatorial em 22 especialidades médicas.

Além disso, o Hospital conta ainda com um centro de parto natural, centro cirúrgico, agência transfusional, radiologia, laboratório de análises clínicas e aparelhos de ultrassonografia e endoscopia.

Em média, o hospital realiza 7 mil pronto-atendimentos e 5 mil atendimentos ambulatoriais por mês.

COMENTÁRIOS