AMEs proporcionam atendimento de forma próxima e acessível ao cidadão

AMEs proporcionam atendimento de forma próxima e acessível ao cidadão

Um inovador modelo de assistência ambulatorial foi implantado pela Secretaria de Estado da Saúde em 2007 com a criação dos AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades), unidades de alta resolutividade que oferecem consultas com especialistas, exames e, em algumas unidades, pequenas cirurgias em um só local.

“Avaliar e monitorar continuamente nossas unidades é fundamental para identificarmos o que é preciso aperfeiçoar e o que tem sido exitoso. Os resultados positivos obtidos com essa pesquisa comprovam a qualidade dos nossos AMEs e evidenciam nosso compromisso de ofertar um bom atendimento em nossos serviços”, afirma David Uip, secretário de Estado da Saúde.

A proposta dos AMEs é agilizar o diagnóstico e o tratamento dos pacientes, desafogando os hospitais gerais, que poderão se dedicar ao atendimento de urgências e emergências e à realização de cirurgias mais complexas.  Com atendimento regionalizado, a marcação de consultas nos AMEs é feita pelas Unidades Básicas de Saúde municipais por meio de um sistema online, facilitando a escolha do melhor dia e horário para o paciente.

“O objetivo dos AMEs é proporcionar atendimento de forma próxima e acessível ao cidadão, por meio da prestação de um conjunto de serviços que garantam uma intervenção rápida e eficaz, a fim de promover o diagnóstico precoce, orientar a terapêutica e ampliar a oferta de serviços ambulatoriais especializados, atendendo à necessidade regional nos problemas de saúde que não podem ser plenamente diagnosticados ou orientados na rede básica, pela sua complexidade, mas que não precisam de internação hospitalar ou atendimento urgente”, disse o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin.

 

COMENTÁRIOS