“Carretas da Mamografia” suspendem temporariamente itinerário para prevenção do novo coronavírus

“Carretas da Mamografia” suspendem temporariamente itinerário para prevenção do novo coronavírus

Medida do programa Mulheres de Peito visa à prevenção da COVID-19, pois população idosa está entre o grupo mais vulnerável à doença

Como medida de prevenção ao novo Coronavírus, foram suspensos todos os itinerários das carretas do programa Mulheres de Peito, do Governo do Estado de São Paulo.
A definição passa a valer a partir desta segunda-feira (16), por tempo indeterminado. O programa oferece mamografias grátis e sem necessidade de pedido médico para mulheres entre 50 e 69 anos de idade, faixa etária que engloba população idosa, mais vulnerável à COVID-19.
A medida atende à orientação para que as pessoas evitem aglomerações e, com isso, ajudarem coibir a propagação do vírus.
“Neste momento, precisamos tomar todas as medidas preventivas indicadas, evitando locais com grande fluxo de pessoas. Os idosos devem evitar contato social e deslocamentos para se proteger da COVID-19, pois estão entre os mais suscetíveis a complicações pela infecção. O rastreamento do câncer de mama continuará a ser feito pelos serviços de saúde, garantindo à população o diagnóstico precoce da doença”, explica o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.
O serviço telefônico para agendamentos de mamografias nos serviços fixos de mamografia está mantido, no momento. O contato pode ser feito através do callcenter no telefone 0800-779-0000, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
Esse exame também pode ser agendado pelos municípios, por meio da Cross (Central de Regulação de Ofertas e Serviços de Saúde), nos serviços de referência. Há cerca de 200 mamógrafos disponíveis no SUS, em SP.

COMENTÁRIOS