Clube irmãos de Sangue da Fundação Pro-Sangue tem 10 mil associados

Clube irmãos de Sangue da Fundação Pro-Sangue tem 10 mil associados

O Clube Irmãos de Sangue foi lançado em 25 de novembro de 1998, Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue, para homenagear os doadores voluntários.

A ideia nasceu da vontade de reconhecer e demonstrar o orgulho, a admiração e a gratidão que a Pró-Sangue tem por essas pessoas que fizeram da solidariedade sua profissão de fé. Hoje o Clube já tem quase 10.000 associados. Para se tornar um membro, os doadores devem ter feito no mínimo 10 doações voluntárias na Pró-Sangue.

“Todos os associados do clube têm direito a uma carteirinha especial com foto realizada no momento da doação, convites para os eventos realizados na Pró-Sangue, além da inclusão de uma foto no site da instituição e homenagem no jornal Pró-Sangue Online”, explica a médica hometerapeuta da Fundação Pró-Sangue, Sandra Esposti.

Além da homenagem pública, quem se associa ao Clube Irmãos de Sangue tem atendimento preferencial no Cadastro e na Triagem, em qualquer posto de coleta da Pró-Sangue, conforme Regulamento do Clube.

Assim, se você já tem nove doações e está prestes a ingressar nesse clube, ligue para o Alô Pró-Sangue e agende sua doação com foto!

Como fazer parte do Clube Irmãos de Sangue

Antes de realizar sua 10ª doação voluntária, ligue para Alô Pró-Sangue (0800-55-0300) ou envie um e-mail para faleconosco@prosangue.sp.gov.br e agende para sua doação ser fotografada. Se você já tem mais de 10 doações voluntárias, o procedimento é o mesmo. Os doadores de plaquetas também poderão participar bastando ter 10 doações voluntárias de plaquetas e ser doador da Pró-Sangue por, no mínimo, 02 anos.

“Eu já fiz mais de 20 doações voluntárias. Todo ano, venho pelo menos duas vezes doar, mantenho essa rotina há quase 11 anos”, disse o advogado Pedro Guilherme.

Sua carteirinha personalizada chegará em sua casa pelo correio em até 60 dias. “Recebi minha carteirinha em casa, é muito bacana o registro de uma ação tão importante quando à dê doar sangue”, disse o gerente de projetos, Marco Villa Rocco.

Uma doação poderá salvar até 4 vidas. A gerente de desenvolvimento de sistema, Alyne Rodrigues, fala sobre a importância da doação e o quanto o gesto faz bem para sua alma. “Eu venho voluntariamente aqui no posto Clínica para doar sangue todo ano. Me sinto muito bem em saber que posso ajudar o próximo”.

 

 

COMENTÁRIOS