#CompartilheaVida: “Nasci com o vírus HIV”

#CompartilheaVida: “Nasci com o vírus HIV”

Renata perdeu a mãe logo no parto. Logo nos primeiros meses de vida foi adotada pela Cícera e pelo Heraldo, que um ano depois descobriram que ela era soropositiva.

O tratamento começou cedo, mas os diagnósticos apontavam para os piores caminhos. Os médicos não acreditavam que ela chegaria sequer aos 15 anos de idade.

Na adolescência foi quando conheceu de perto o preconceito. Quando contou ao primeiro namorado que tinha o vírus da AIDS, ele rompeu o relacionamento. Além disso, perdeu amigas, popularidade no colégio e, de repente, viu todos se afastando. Mas nada disso foi capaz de entristecer Renata, que transformou as dificuldades em força. Os tratamentos evoluíram e mostraram que ela não só pode levar uma vida normal e feliz, como pode ir além.

Renata é uma jovem repleta de sonhos. Em breve ela vai começar um curso de fotografia, planeja viajar com a namorada Vitória e quer continuar transmitindo sua mensagem de inspiração para outros jovens.

Hoje, com 18, nunca teve uma complicação séria de saúde.

Obrigado Renata, por compartilhar a sua história de vida com a gente. #compartilheavida

COMENTÁRIOS