Dia Nacional de Prevenção da Alergia alerta para doenças no outono

Dia Nacional de Prevenção da Alergia alerta para doenças no outono

A baixa umidade do ar, característica do clima nos meses de outono e inverno, favorece o aumento de alergias respiratórias e de pele, principalmente em crianças, idosos e portadores de doenças crônicas. Por isso, foi instituído no dia 07 de maio o Dia Nacional de Prevenção da Alergia, a fim de conscientizar a população sobre os riscos de contrair doenças neste período.

A prevenção contra as doenças respiratórias, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), asma e pneumonia é fundamental durante todo o ano e deve ser redobrada nesse período. A rinite alérgica, por exemplo, pode ser agravada em razão da falta de umidade no ar.

As alergias mais comuns nesta época do ano são as rinites e as sinusites, inflamações das vias respiratórias provocada pelas variações climáticas bruscas e o contato com o pó e poluentes. “As pessoas que sofrem tanto pela bronquite como pela rinite devem estar atentas ao retirar roupas guardadas há muito tempo no armário, pois elas podem reter pó e odores nocivos para as alergias”, orienta o especialista do Instituto Emílio Ribas Ralcyon Teixeira.

Nessa época, é muito importante hidratar o corpo. Pessoas com pele mais sensível, que tenham doenças de pele ou pré-disposição a desenvolvê-las também podem ter agravamento de sintomas durante o clima seco. “A ingestão de água e uso de hidratantes corporais é indispensável. O hidratante não pode faltar no tratamento da pele, mesmo que seja necessário utiliza-lo várias vezes ao dia”, afirma a coordenadora do setor de dermatologia do AME Barradas, Bhertha Tamura.

Em todos os casos, podem ser tomados cuidados simples, mas eficazes com a saúde, como aumentar a ingestão de líquido, fazer inalação e lavar o nariz com soro fisiológico. “O tempo seco causa ressecamento das vias aéreas e viabiliza a proliferação de vírus e agravamento de doenças e alergias respiratórias, como asma, que pode ser tanto crônica, quanto alérgica. A ingestão de água e permanência em locais ventilados são ótimas maneiras de prevenção”, informa o pneumologista do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) Barradas, Fábio Muchão,

Dicas para evitar agravamento de doenças de pele durante o tempo seco:

Beba bastante água, pelo menos 2 litros por dia;

Use hidratante corporal todos os dias, principalmente após o banho. Se necessário, utilize várias vezes ao dia;

Com o ressecamento, ocorrem coceiras na pele. Evite coçar-se, pois pode causar inflamações ou até mesmo infecções;

Evite tomar banhos demorados, com água muito quente;

Em caso de ressecamento severo da pele, procure seu dermatologista;

COMENTÁRIOS