Estação Vila Aurora da CPTM promove vacinação contra febre amarela

Estação Vila Aurora da CPTM promove vacinação contra febre amarela

 

Nesta quarta-feira (20), os usuários que passarem pela Estação Vila Aurora (Linha 7-Rubi) da CPTM poderão se vacinar contra a febre amarela. A ação acontece das 9h às 12h, na área próxima ao bicicletário da estação.

Para serem imunizados, as pessoas deverão ter em mãos um documento de identificação e, se houver, a carteira de vacinação atualizada. Vale lembrar que a vacina é a única forma efetiva de se proteger contra a febre amarela, que é causada pela picada de mosquitos contaminados com o vírus.

“A vacinação é a principal forma de proteger a população contra a febre amarela. Por isso, é imprescindível que todas as pessoas que moram nos locais definidos na campanha e ainda não se imunizaram compareçam aos postos até 16 de março”, alerta o novo Secretário Marco Antonio Zago.

É importante procurar o médico sobre a necessidade da vacina os portadores de HIV positivo, pacientes com tratamento quimioterápico concluído, transplantados, hemofílicos ou pessoas com doenças do sangue e de doença falciforme.

A iniciativa faz parte da campanha realizada pela UBS (Unidade Básica de Saúde) Integrada Jardim Ipanema em parceria com a CPTM, que reservou espaços em suas estações para realizar o atendimento à população.

Febre amarela – é uma doença infecciosa febril causada pela picada de mosquitos contaminados com o vírus. O contato entre pessoas não é um fator difusor. A doença possui dois ciclos de transmissão: o silvestre e o urbano, cujos sintomas são os mesmos. A disseminação é intensificada principalmente em áreas urbanas infestadas pelo mosquito Aedes aegypti. Atualmente, há a presença do ciclo silvestre.

“Nós estamos fazendo o acompanhamento desde o surgimento do primeiro caso de febre amarela, há 20 meses. Estamos no campo trabalhando. Já fizemos cinco transplantes hepáticos para os pacientes mais graves. Nós precisamos atender às pessoas que vivem em regiões onde a doença é uma ameaça”, explica o infectologista Marcos Boulos.

Dentre os principais sintomas estão:

– Início súbito de febre;
– Calafrios;
– Dores no corpo;
– Dor de cabeça intensa;
– Náuseas e vômito;
– Fadiga;
– Fraqueza.

Após a manifestação dos primeiros sintomas, é necessário procurar um médico na unidade de saúde mais próxima, para realizar o diagnóstico. A maioria das pessoas que contraem o vírus apresenta melhora.

Entretanto, cerca de 15% dos infectados desenvolvem a fase crítica da doença. Nesta etapa os sintomas podem incluir febre alta, hemorragia, icterícia e insuficiência de múltiplos órgãos. A vacinação é o principal meio de prevenção.

SERVIÇO

Campanha de Vacinação Febre Amarela

Local: Estação Vila Aurora (Linha 7-Rubi)
Data: quarta-feira (20/6)
Horário: das 09h às 12h
Grátis

COMENTÁRIOS