Estações do Metrô SP recebem ações do Outubro Rosa

Estações do Metrô SP recebem ações do Outubro Rosa

Um diagnóstico precoce possibilita tratamentos menos invasivos e com maiores chances de sucesso

Os usuários do Metrô da cidade de São Paulo que passarem nas estações Sé, República e Vila Prudente nos dias 15, 16 e 17 de outubro poderão receber orientações sobre alimentação saudável e a importância da prática de exercícios físicos como aliado no combate ao câncer de mama, doar lenços de cabeça, receber demonstração do autoexame, entre outras atividades.

O atendimento acontecerá nos mezaninos das estações, das 11h às 15h, com o objetivo de reforçar a importância da prevenção e detecção do diagnóstico precoce da doença. A ação do Metrô, que faz parte do Outubro Rosa, é uma parceria com o Instituto do Câncer de São Paulo, Hospital Geral de Guarulhos, Instituto Tribo do Bem e Instituto Quimioterapia e Beleza.

Um diagnóstico precoce da doença possibilita tratamentos menos invasivos, com maiores chances de sucesso e mais qualidade de vida ao paciente. “O câncer de mama é a multiplicação incontrolável de células anormais, podendo ter origem por alterações genéticas (adquiridas ou hereditárias) e boa parte dos diagnósticos tem evolução favorável se tratados em tempo adequado”, destaca o médico chefe do Serviço de Mastologia do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, José Roberto Filassi.

Os passageiros poderão doar lenços de cabeça para pacientes que estão em tratamento da doença, além de participarem com mensagens de apoio. Qualquer pessoa pode colaborar deixando um ou mais lenços de qualquer tipo, cor, material e tamanho nas caixas que estarão localizadas nas três estações. Também haverá demonstração de amarração de lenço para resgatar a autoestima dos pacientes em tratamento.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de mama é segundo tipo que mais acomete brasileiras, representando em torno de 25% de todos os que afetam o sexo feminino. “O que se precisa é fazer a disseminação do conhecimento, é educar as pessoas, para que elas se conheçam e conheçam o seu corpo”, aponta a chefe da Seção de Mastologista do INCA, Fabiana Tonellotto.

A diretora-geral do INCA, Ana Cristina Pinho alerta sobre a necessidade de disseminar informação. “O câncer é uma realidade e é parte da vida das pessoas. Então, é preciso falar disso”. Para o Brasil, foram detectados 59.700 casos novos de câncer de mama em 2019, com risco estimado de 56 casos a cada 100 mil mulheres.

“A Secretaria da Justiça promoverá outras ações em outubro para alertar sobre os cuidados e prevenção ao câncer de mama. A estrutura da pasta conta com órgãos que oferecem suporte para atendimento médico, jurídico, psicológico e de assistência social à mulher para promoção da saúde, preservação de direitos e proteção à vida”, ressalta o secretário da Justiça e Cidadania, Paulo Dimas Mascaretti.

Confira abaixo as atividades realizadas que serão realizadas em cada estação do Metrô:

Dia 15 – Estação República

  • Banco de doação de lenços, novos e usados em bom estado;
  • Orientações sobre prevenção e autocuidado da mulher em relação ao câncer de mama.

Dia 16 – Estação Sé

  • Banco de doação de lenços, novos e usados em bom estado;
  • Demonstração do autoexame de mama;
  • Música e dança com voluntários do Instituto Tribo do Bem;
  • Dicas de Alimentação Saudável e importância da prática de exercícios físicos;
  • Orientações sobre prevenção e autocuidado da mulher em relação ao câncer de mama.

Dia 17 – Estação Vila Prudente

  • Voluntárias do Instituto Quimioterapia e Beleza e pacientes oncológicas trocarão suas experiências com outras mulheres e estarão disponíveis para esclarecer dúvidas, informações e acolher que esteja passando por essa adversidade;
  • Orientações sobre prevenção e autocuidado da mulher em relação ao câncer de mama.

COMENTÁRIOS