Faculdade de Medicina de Botucatu participa da 18ª Campanha de Combate ao Câncer de Pele

Faculdade de Medicina de Botucatu participa da 18ª Campanha de Combate ao Câncer de Pele

A Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB), por meio de seu Departamento de Dermatologia e Radioterapia, participa da 18ª Campanha de Combate ao Câncer de Pele. Será realizada neste sábado (7), das 9 horas às 15 horas, no Centro de Saúde Escola (CSE) da Vila dos Lavradores.

Serão oferecidas orientações sobre os fatores de risco para o câncer da pele, como preveni-los e consulta gratuita com foco na identificação de lesões suspeitas da doença.

De acordo com o professor Silvio Alencar Marques, um dos idealizadores da iniciativa, “os casos suspeitos e confirmados fornecerão dados pessoais, telefone e serão contatados para biópsia ou exérese da lesão em 2020”.

De acordo com o dermatologista Hamilton Stolf, nem todas as manchas na pele são câncer. “As pessoas de pele e olhos claros tem maior risco de desenvolver a doença, porque quanto menor a pigmentação da pele, menor a proteção contra os raios ultravioletas (UV) “, explica. Mas, além desse fator, outros atributos podem contribuir para a ocorrência da doença, como idade, sexo, gênero, exposição a produtos químicos e radiação, inflamações da pele, entre outros.

Participam da iniciativa uma equipe composta por cinco docentes, 18 residentes da dermatologia, quatro médicos que farão os atendimentos (30 distribuídos nos dois períodos) e os alunos da Liga da Dermatologia e do Câncer entregarão folhetos nas ruas da cidade.

 

COMENTÁRIOS