Governo de SP entrega reforma e ampliação do posto de doação da Pró-Sangue no Mandaqui

Governo de SP entrega reforma e ampliação do posto de doação da Pró-Sangue no Mandaqui

Serviço passa a oferecer mais conforto e comodidade ao doador de sangue

O Governo de SP entregou, nesta segunda-feira (25), às 13h, a reforma e ampliação do posto de coleta da Fundação Pró-Sangue localizado no Conjunto Hospitalar do Mandaqui, na zona norte da capital.

O evento contou com a participação da primeira-dama e Presidente do Fundo Social de São Paulo, Bia Doria, e do Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann. Ambos também participaram de uma ação especial de doação de sangue no Palácio dos Bandeirantes, onde servidores puderam contribuir com a causa.

Para a renovação das instalações do posto do Mandaqui da Pró-Sangue, o Governo investiu R$ 1 milhão com a finalidade de proporcionar mais conforto no atendimento aos doadores de sangue. As obras começaram em abril de 2019 e o funcionamento foi mantido durante esse período, com a transferência do serviço para uma base provisória no próprio hospital.  Mensalmente, cerca de 2.500 candidatos comparecem ao local para realizar sua doação de sangue.

O recurso permitiu a ampliação de poltronas de coleta, com total de oito assentos confortáveis para os doadores, proporcionando suporte a uma média de coleta de 144 a 192 bolsas por dia. Outra novidade foi a disponibilização de sete vagas de estacionamento para facilitar o fluxo de visitantes, com espaço totalmente acessível para as pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida.

Após a reforma, o edifício passou a contar com uma ampla sala de coleta, cadastro e cantina, três banheiros para o público (feminino, masculino e um terceiro neutro, com acessibilidade), elevador, além de local para estoque para distribuição e abastecimento de hemocomponentes dos demais hospitais da região.

“Comodidade, conforto e acessibilidade é o tripé que sustenta o novo posto Mandaqui. A reforma proporcionou um aumento da capacidade operacional e a unidade conta agora com um gerador de emergência instalado, bem como um projeto arquitetônico ideal para o atendimento a todos os doadores”, detalha o diretor técnico científico da Pró-Sangue, Alfredo Mendrone Junior.

Unidade de referência para doação de sangue na zona norte da capital, o posto Mandaqui fica na rua Voluntários da Pátria, 4.227, Mandaqui, São Paulo. Funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 16h30, ficando fechado aos sábados, domingos e feriados.

Como doar

Para doar sangue basta estar em boas condições de saúde e alimentado, ter entre 16 e 69 anos (para menores, consultar site da Pró-Sangue), pesar mais de 50 kg e levar documento de identidade original com foto recente, que permita a identificação do candidato.

Vale lembrar que é bom evitar alimentos gordurosos nas 4 horas que antecedem à doação e, no caso de bebidas alcoólicas, 12 horas antes. Se a pessoa estiver com gripe ou resfriado, não deve doar temporariamente. Mesmo que tenha se recuperado, é importante aguardar uma semana para que esteja novamente apta à doação.

Outras recomendações poderão ser identificados durante a entrevista de triagem, no dia do comparecimento ao posto de coleta. Uma sugestão é doar durante a semana, de segunda a sexta, pois o tempo de espera no atendimento é menor. No site da Pró-Sangue é possível consultar os pré-requisitos básicos para doar, bem como o horário de funcionamento dos postos de coleta (confira aqui). Mais informações também podem ser obtidas no Alô Pró-Sangue 11 4573-7800.

A Fundação Pró-Sangue é uma instituição vinculada à Secretaria de Saúde do Governo do Estado de São Paulo. Criada em 1984, arrecada mais de 11 mil bolsas de sangue por mês, que são distribuídas para mais de 100 instituições de saúde da rede pública da Região Metropolitana.

 

 

COMENTÁRIOS