Grávidas aderem menos a vacinação contra gripe em SP

Grávidas aderem menos a vacinação contra gripe em SP

 Até o momento foram vacinadas metade das gestantes, e o Estado indica prorrogação de campanha até o dia 30

 Balanço da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo aponta que a adesão das gestantes à vacinação contra gripe é a menor até o momento entre os públicos-alvo da campanha. Desde 22 de abril foram imunizadas 229,9 mil grávidas, o que representa cobertura proporcional de 50,25% do grupo no Estado.

A meta é imunizar 9,2 milhões de paulistas, o que representa 80% do público-alvo da campanha de vacinação contra a gripe. Até o momento, o Estado de São Paulo vacinou 6,9 milhões de pessoas, com índice de 58,8% de cobertura. Por isso, a pasta indica, aos municípios paulistas, a prorrogação da campanha até o dia 30 de maio.

Na sequência da baixa adesão estão os profissionais da saúde, com 571,8 mil doses aplicadas e 53,67% da cobertura, as crianças entre seis meses e cinco anos de idade (1,6 milhões de doses aplicadas e cobertura de 63,82%) e os idosos (3,2 milhões de doses aplicadas e cobertura de 67,58%).

Os grupos formados pelas puérperas (até 45 dias após o parto) e pelos indígenas atingiram a taxa de 80% de cobertura vacinal. Os pacientes crônicos não participam desse índice de cobertura.

Devem receber a vacina os idosos com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), crianças entre seis meses e menos de cinco anos de idade, indígenas, pacientes diagnosticados com doenças crônicas e profissionais de saúde do Estado.

Além de imunizar a população contra a gripe A H1N1, tipo que se disseminou pelo mundo na pandemia de 2009, a campanha também irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus influenza:  influenza A H3N2 e B.

A novidade para a campanha em 2014 é o aumento da faixa etária abrangida entre a população infantil. Até o ano passado, a vacinação incluía crianças entre seis meses e menos de dois anos. Nesse ano, a faixa etária aumentou para crianças entre seis meses e menos de cinco anos.

A campanha mobiliza 37,3 mil profissionais da saúde, estaduais e municipais. A estrutura da vacinação ainda inclui 3 mil veículos, 21 ônibus e quatro barcos.

“É importante reforçar que a vacina é distribuída gratuitamente em qualquer posto de vacinação. Vale esclarecer também que a vacina não provoca, de maneira nenhuma, gripe em quem tomar a dose, pois é feita de pequenos fragmentos do vírus que são incapazes de causar qualquer infecção”, afirma Helena Sato, diretora de Imunização da Secretaria.

 DRS

Total de doses aplicadas

Capital

1.764.082

Grande ABC

414.152

Alto Tietê

360.540

Franco da Rocha

81.404

Osasco

430.347

Araçatuba

121.370

Araraquara

152.130

Assis

87.960

Barretos

81.839

Bauru

288.396

Campinas

682.449

Franca

105.781

Marília

113.874

Piracicaba

213.074

Presidente Prudente

136.629

Registro

54.424

Ribeirão Preto

226.314

Baixada Santista

325.160

São João da Boa Vista

136.296

Vale do Paraíba e Litoral Norte

469.736

São José do Rio Preto

291.831

Sorocaba

427.319

Total

6.965.107

COMENTÁRIOS