Grupo de pesquisadores da USP vai reunir ações de pesquisa e elaborar propostas para o combate ao coronavírus

Grupo de pesquisadores da USP vai reunir ações de pesquisa e elaborar propostas para o combate ao coronavírus

O Prof. Esper Georges Kallás, Titular do Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina da USP, coordenará o GT-USP COVID-19, um grupo de trabalho criado com o objetivo de sistematizar as diversas ações e pesquisas desenvolvidas pela USP direcionadas ao entendimento e combate da COVID-19.

Foram designados para a composição do grupo a Profa. Anna Sara Shafferman Levin, também do Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da FMUSP, a Profa. Ester Cerdeira Sabino, diretora do Instituto de Medicina Tropical (IMT) da FMUSP e uma das coordenadoras do grupo brasileiro responsável pelo sequenciamento do genoma do coronavírus, o Prof. Eurico de Arruda Neto e também o Prof. Benedito Antonio Lopes da Fonseca, ambos da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (FMRP), além do Prof. Marcos Silveira Buckeridge, do Instituto de Biociências da USP (IB-USP) e o Prof. Luís Carlos de Souza Ferreira, do Instituto de Ciências Biomédicas da USP (ICB-USP).

O GT também tem a missão de elaborar propostas para o combate da COVID-19, que serão apresentadas à Secretaria Estadual da Saúde. “Esse grupo reunirá e consolidará as informações geradas pelos pesquisadores da USP para que a colaboração da Universidade seja ainda mais decisiva e mais bem aproveitada pela sociedade”, explicou o reitor Vahan Agopyan.

Desde meados de janeiro, o Prof. Esper vem auxiliando a Secretaria de Estado da Saúde a elaborar estratégias de atendimento aos pacientes infectados pelo SARS-CoV-2. O Instituto de Infectologia Emilio Ribas e o Hospital das Clínicas da USP (HCFMUSP) são as instituições de referência para o atendimento dos casos graves dessa infecção no estado.

COMENTÁRIOS