Homens começam a fazer check-up na rede pública de SP neste sábado

Homens começam a fazer check-up na rede pública de SP neste sábado

21 ambulatórios médicos do governo do Estado farão plantão pra ver se a saúde de quem tem mais de 50 anos está em dia

 A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo inicia neste sábado, 5 de abril, umprograma inédito de check-ups preventivos, nas áreas de cardiologia e urologia, voltado aos homens a partir dos 50 anos de idade.

Vinte e um AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades) estarão de plantão neste e nos demais sábados do ano (exceto feriados) recebendo pacientes com agendamento prévio.

O objetivo do programa “Filho que ama leva o pai no AME” é estimular que o homem verifique se sua saúde está em dia, de forma preventiva, mesmo que não sinta nada, ano sim, ano não. A campanha quer mobilizar os filhos desses pacientes para que incentivem os pais a cuidar da saúde.

Funciona assim: no mês do aniversário, a pessoa liga para um callcenter da Secretaria (0800-779-0000), que funciona de segunda a sexta-feira das 8h às 17h e agenda o check-up no ambulatório mais próximo. Neste ano serão priorizados os homens que nasceram em ano par.

A prevenção é feita em duas etapas. No primeiro sábado, o homem recebe uma consulta de enfermagem, colhe sangue para exames e passa por aferição de peso, altura e risco cardíaco. No sábado seguinte, o paciente retorna para buscar o resultado dos exames e ser avaliado por um cardiologista e um urologista.

Caso seja identificado qualquer problema, o paciente é encaminhado para tratamento e acompanhamento na rotina do próprio ambulatório, podendo, inclusive, ser encaminhado a outros especialistas se houver necessidade.

O programa funcionará aos sábados com o objetivo de estimular os homens a passarem pelo médico sem prejudicar suas rotinas de trabalho nos dias úteis. A ideia de envolver filhos, e até outros familiares, também faz parte da estratégia de convencimento da Secretaria para incentivar  os homens a fazerem seus exames preventivos.

Pesquisa do Centro de Referência em Saúde do Homem, unidade da pasta na capital, mostrou que 60% dos pacientes só buscam o médico quando já apresentam doenças em quadro avançado, o que torna os tratamentos mais difíceis e menos eficazes.

“Este programa foi pensado para facilitar o acesso dos homens ao atendimento médico, pois a agenda será aos sábados e não há necessidade de encaminhamento. A ideia é fazer com que eles se cuidem mais e tenham qualidade de vida”, afirma o secretário de Estado da Saúde, David Uip.

O protocolo de atendimento foi desenvolvido pela Secretaria em conjunto com médicos da Sociedade Brasileira de Urologia, da Sociedade Brasileira de Clínica Médica e da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo.

O atendimento dos AMEs é sempre em nível regional. Pacientes da região de Ribeirão Preto têm como referência o AME Franca e os da região de Registro, o AME Praia Grande. Todos os AMES funcionarão, pelo menos, entre 7h e 13h deste sábado.

 

Unidades que abrirão neste sábado para o programa  “Filho que ama leva o pai ao AME”

1.      AME Heliópolis (capital)

2.      AME Carapicuíba

3.      AME Mauá

4.      AME Araçatuba

5.      AME Américo Brasiliense

6.      AME Santos

7.      AME Praia Grande

8.      AME Barretos

9.      AME Bauru

10.  AME Promissão

11.  AME Jundiaí

12.  AME Franca

13.  AME Ourinhos

14.  AME Rio Claro

15.  AME Presidente Prudente

16.  AME São João da Boa Vista

17.  AME Mogi Guaçu

18.  AME Votuporanga

19.  AME São José do Rio Preto

20.  AME Sorocaba

21.  AME Caraguatatuba

COMENTÁRIOS