Homens pode fazer no máximo 4 doações de sangue em 12 meses

Homens pode fazer no máximo 4 doações de sangue em 12 meses

Na triagem de doadores, a Fundação Pró-Sangue obedece a normas nacionais e internacionais. O alto rigor no cumprimento dessas normas visa oferecer segurança e proteção ao receptor e ao doador.

Homens e mulheres devem respeitar o período para doar sangue.

  • » Homens – 60 dias (máximo de 04 doações nos últimos 12 meses).

  • » Mulheres – 90 dias (máximo de 03 doações nos últimos 12 meses).

Os doadores de sangue devem respeitar os períodos de intervalo para não prejudicarem sua saúde. “Eu faço duas ou três doações de sangue por ano, sempre respeito os limites exigidos pela Fundação”, disse o administrador de empresas, Renan Serrano.

A falta de informação muitas vezes atrapalha quem vai doar sangue. Por isso, listamos requisitos e impedimentos temporários para ajudar o doador. “Eu cheguei no posto Clínicas da Pró-Sangue, e fui informada que não poderia realizar doação pois tinha viajado para o Amazonas 15 dias antes de doar”, explicou o vendedor de móveis Rodrigo de Araújo.

 

  Requisitos básicos

  • » Estar em boas condições de saúde.

  • » Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, clique para ver documentos necessários e formulário de autorização).

  • » Pesar no mínimo 50kg.

  • » Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).

  • » Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).

  • » Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Impedimentos temporários

  • » Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas.

  • » Gravidez

  • » 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana.

  • » Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses).

  • » Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação.

  • » Tatuagem / maquiagem definitiva nos últimos 12 meses.

  • » Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses.

  • » Qualquer procedimento endoscópico (endoscopia digestiva alta, colonoscopia, rinoscopia etc): aguardar 6 meses.

  • » Extração dentária (verificar uso de medicação) ou tratamento de canal (verificar medicação): por 7 dias.
    » Cirurgia odontológica com anestesia geral: por 4 semanas.
    » Acupuntura: se realizada com material descartável: 24 horas; se realizada com laser ou sementes: apto; se realizada com material sem condições de avaliação: aguardar 12 meses.
    » Vacina contra gripe: por 48 horas.
    » Herpes labial ou genital: apto após desaparecimento total das lesões.
    » Herpes Zoster: apto após 6 meses da cura (vírus Varicella Zoster).
    » Brasil: estados como Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são locais onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses para doar, após o retorno.
    » EUA: quem esteve nesse país deve aguardar 30 dias para doar, após o retorno.
    » Europa: quem morou na Europa após 1980, verificar aptidão para doação no 0800550300.
    » Malária: quem esteve em países com alta prevalência de malária deve aguardar 12 meses após o retorno para doar. (critério semelhante ao dos estados brasileiros com prevalência elevada de malária).
    » Febre Amarela: quem esteve em região onde há surto da doença deve aguardar 30 dias para doar, após o retorno; se tomou a vacina, deve aguardar 04 semanas; se contraiu a doença, deve aguardar 6 meses após recuperação completa (clínica e laboratorial). Detalhes dos locais podem ser vistos no Portal da Saúde (clique aqui).

COMENTÁRIOS