Hospitais da região de Cotia têm programação especial no ‘Outubro Rosa’

Hospitais da região de Cotia têm programação especial no ‘Outubro Rosa’

 

 

No mês de outubro, os hospitais estaduais da região de Cotia irão promover diversas atividades, palestras e workshops em comemoração ao Outubro Rosa, mês dedicado à conscientização sobre o câncer de mama.

O Hospital Estadual de Itapecerica da Serra fará palestras com as diversas especialidades que compõem a equipe multiprofissional envolvida na atendimento do câncer de mama. Além disso, a unidade irá inserir sobremesas cor de rosa com etiquetas de conscientização nas refeições oferecidas aos pacientes e colaboradores.

Já o Hospital Regional de Cotia disponibilizou 40 exames extras de ultrassom das mamas, e além de iluminar a fachada com a cor de rosa irá preparar materiais de conscientização para os colaboradores e acompanhantes da unidade.

O Palácio dos Bandeirantes estará iluminado na cor rosa no decorrer do mês, e o mesmo acontecerá com o prédio do Instituto do Câncer de São Paulo, que também realizará diversas atividades com orientações sobre a prevenção do câncer de mama nas dependências da unidade, palestras, ação de conscientização e aula de maquiagem para as pacientes mulheres em tratamento no Instituto.

“As ações em celebração ao ‘Outubro Rosa’ têm como objetivo, principalmente, chamar a atenção sobre a importância da prevenção e detecção precoce do câncer de mama”, afirma o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

A Secretaria também conta com parceria com a Artesp  (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), que está projetando nos letreiros de rodovias mensagens de incentivo à prevenção, alcançando motoristas, familiares e demais viajantes que circulam pelo Estado de São Paulo.

 

“Mulheres de Peito”

O Governo do Estado incentiva a realização da mamografia para rastreamento e detecção precoce do câncer de mama com o programa “Mulheres de Peito”, composto por serviços fixos e quatro carretas itinerantes que circulam por todo o território paulista, facilitando o acesso aos serviços (confira abaixo os destinos e datas deste mês).

O serviço oferece exames de mamografia gratuitamente, sem necessidade de pedido médico para mulheres com idade entre 50 e 69 anos. As imagens captadas pelos mamógrafos são encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (Sedi), serviço da Secretaria que emite laudos à distância, na capital paulista. O resultado sai de 48 horas a 15 dias após a realização do exame, dependendo da complexidade de cada caso. Desde 2014, já foram realizadas 212 mil exames de mamografia em diversas regiões do Estado.

“O exame salva vidas. A mamografia faz uma detecção precoce, o que não impede que o câncer apareça, mas a descoberta num estágio inicial impede que ele evolua”, explica a supervisora do Mulheres de Peito, Fabiana Angélica de Oliveira.

Além disso, o Estado disponibiliza um callcenter para agendamento telefônico do exame (0800-779-0000). O serviço está disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Nesse caso, o exame é feito num dos mais de 200 serviços de mamografia fixos do SUS paulista, como AMEs, hospitais e clínicas.

carreta

COMENTÁRIOS