Hospital de Base de Bauru completa 69 anos e presenteia pacientes com horta sustentável

Hospital de Base de Bauru completa 69 anos e presenteia pacientes com horta sustentável

 

Orégano, manjericão, cebolinha, salsa, hortelã estão entre as 135 mudas de ervas e hortaliças que, a partir de agora, vão levar mais aroma, sabor e saúde para as refeições dos cerca de 840 pacientes internados mensalmente no Hospital de Base de Bauru (HBB), que completou 69 anos neste mês.

O projeto piloto de sustentabilidade, que será lançado dia 29, às 14h, chega como presente de aniversário para os pacientes do Hospital, unidade da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo que acaba de completar 69 anos de existência, e sete sob gestão pela Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar (Famesp).

A horta sustentável horizontal é cultivada em terra orgânica distribuída em paletes. “A preocupação com a saúde alimentar é um incentivador para a prevenção de doenças e a melhoria da qualidade de vida. E esse é, sem dúvida, um dos pilares desse projeto, que também prevê ações educativas por meio de palestras e cursos periódicos oferecidos aos envolvidos”, destaca a médica e diretora administrativa do HB, Mônica Hamai.

Inédita em hospitais públicos da região, a iniciativa visa cultivar hortaliças nutritivas e livres de agrotóxicos para incrementar a alimentação dos pacientes internados, sempre com a supervisão do Serviço de Nutrição e Dietética do HBB.  Inicialmente, o projeto demandou um investimento de R$ 800,00, com a compra de mudas e preparo estrutural da área física e contou com a doação de dez paletes. Manejo e produção são conduzidos por dois profissionais que já fazem parte do quadro do Hospital – um jardineiro e um auxiliar de jardinagem.

“Cuidamos para que todo o processo de confecção e manutenção da horta seja sustentável e, com o envolvimento da equipe, conseguimos pôr em prática ideias criativas que priorizam a preservação do meio ambiente e a gestão adequada de recursos”, pontua a gerente do projeto, Elisa Regina Pavan.

Nesta primeira etapa, há seis áreas do Hospital de Base diretamente engajadas no projeto: a Gerência de Apoio, o setor de Higiene e Limpeza, o Serviço de Nutrição e Dietética e o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho.

“Outro aspecto importante do projeto é o aproveitamento da água de chuva e de ar condicionado para irrigar a horta, por meio de tubo de drenagem para uma caixa d’água”, completa o membro operacional da horta, Aristides Júnior.

Sobre o Base

O Hospital de Base de Bauru foi fundado em 21 de janeiro de 1951 e teve a gestão assumida pela Famesp em 1º de janeiro de 2013.

É um hospital de médio porte, com perfil assistencial voltado ao atendimento de Urgência e Emergência e cirurgias eletivas, além de internações clínicas para público adulto. Ao todo, possui 160 leitos.

Desde 2013, o Hospital também é campo de ensino para centenas de estagiários de graduação, pós-graduação e residência médica (própria da Famesp e de outras instituições) de cursos de saúde.

As comemorações pelos 69 anos do HBB também envolveram os mais de 1.200 funcionários da unidade entre os dias 21 e 24, com palestras, exposição fotográfica e um concerto de música clássica e erudita nos corredores do hospital, por músicos participantes do 2º Festival Internacional de Música de Bauru (FIMUB).

COMENTÁRIOS