Instituto Butantan formaliza parceria com IPT Open Experience

Instituto Butantan formaliza parceria com IPT Open Experience

Um acordo de cooperação, documento de caráter interinstitucional, formalizou a parceria do Instituto Butantan com o projeto IPT Open Experience, iniciativa do Governo de São Paulo para incentivar ações em tecnologia e inovação.

O IPT Open Experience, lançado em julho de 2019, é um programa que envolve os setores público e privado. O Instituto de Pesquisas Tecnológicas vai abrir seu campus para as empresas instalarem seus próprios centros de inovação ou participarem de hubs, envolvendo startups, clientes, fornecedores, universidades, centros de pesquisa, investidores, pesquisadores e órgãos de governo no mesmo ambiente.

O objetivo do programa é conectar empresas e instituições científicas e tecnológicas visando à implantação de projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I). Outras instituições de reconhecida competência científica e tecnológica também aderiram ao projeto, como USP, ITA, Unicamp, Unesp e Unifesp.

A chegada do Instituto Butantan abre oportunidades no campo da pesquisa envolvendo empresas parceiras. O IPT já mantém parceria com o instituto para pesquisas no desenvolvimento de biofármacos a partir de moléculas da saliva do carrapato estrela

Com a nova parceria, destacam-se os ganhos em competências e escala por meio do compartilhamento de laboratórios e infraestrutura; abertura a pesquisadores, alunos e profissionais em projetos de PD&I; valorização de empresas incubadas ou graduadas em projetos específicos; mobilização conjunta do ecossistema paulista de ciência, tecnologia, inovação e empreendedorismo; oferta de espaço no IPT Open Experience e ações de interesse mútuo entre parceiros.

“O Butantan é um instituto de pesquisa com larga competência na área de biotecnologia, principalmente na produção de imunobiológicos e vacinas. É o maior produtor de soros e vacinas do Brasil. Além das fábricas, o instituto é também reconhecido pela qualidade de suas pesquisas básicas e aplicadas”, explica o Diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas. “Participar do IPT Open Experience neste contexto se alinha perfeitamente com a missão da instituição e representa a oportunidade de incentivar ativamente as atividades de inovação no estado de São Paulo”, complementa.

Para a pesquisadora Natalia Cerize, do Núcleo de Bionanomanufatura do IPT, a participação do Butantan no projeto do IPT traz diversas possibilidades de cooperação tecnológica envolvendo empresas. “Eles são um parceiro relevante no desenvolvimento de produtos e processos para a área de saúde humana, trazendo um complemento importante para os laboratórios do IPT que atuam na área. Temáticas como terapias celulares alternativas, biofármacos e vacinas recombinantes, assim como dispositivos implantáveis, podem ser projetos de atuação em conjunto na parceria, contribuindo para o avanço do Brasil na saúde pública”, afirma.

COMENTÁRIOS