Instituto Butantan tem programação especial para as férias escolares

Instituto Butantan tem programação especial para as férias escolares

Novas atividades como o anilhamento e a observação de aves fazem parte da programação, que acontece de 19 a 24 de janeiro

O Instituto Butantan, unidade ligada à Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e um dos maiores centros de pesquisas biomédicas do mundo, contará com uma programação cultural especial de férias escolares nesta semana. As atividades educativas acontecem entre 19 e 24 de janeiro, tanto nos museus, como nas áreas externas do parque.

As crianças poderão conhecer o mundo dos micróbios e participar de oficinas de modelagem, desenho e origami. Também estão previstas atividades em família, como jogos, rodas de conversa sobre serpentes, além da visita a um laboratório de pesquisas e a visualização por microscópio de amostras de células.

No final de semana, o público poderá acompanhar a extração de veneno de uma serpente peçonhenta, caminhar pelo parque para conhecer mais sobre a história do Butantan e ainda participar de uma contação de histórias.

A Semana de Férias também contará com uma edição especial do projeto #vempassarinhar, desenvolvido pelo Observatório de Aves do Instituto Butantan. Os visitantes poderão conhecer e observar como vivem as aves encontradas no parque, e saberão como é realizado o processo de identificação com anéis numerados inseridos nos animais e como estes são soltos no seu habitat.

A programação é voltada para toda a família. O Instituto Butantan fica na avenida Vital Brasil, 1.500, zona oeste de São Paulo. A entrada para os três museus é única e custa R$ 6,00. Estudantes pagam R$ 2,50. Crianças até sete anos, idosos a partir de 60 anos e pessoas com deficiência não pagam. Os museus funcionam das 9h às 16h45. Mais informações no site www.butantan.gov.br.

 

Confira a programação completa das atividades de férias do Butantan

 

19 a 22 de janeiro

 

Cores Animais!

Depois de visitar a exposição do Museu Biológico, os visitantes são estimulados pelos educadores do museu a criar seus próprios animais utilizando massa de modelar, desenhos e origamis.

Faixa etária: Livre

Sessões: das 14h às 16h

Local: Museu Biológico

Retirar ingresso na bilheteria.

 

Língua de serpente: bate-papo sobre as serpentes do Museu Biológico

Roda de conversa com os educadores sobre serpentes. Além de esclarecer dúvidas sobre esses animais, os visitantes poderão tocar em peças biológicas, como peles e esqueletos, além de réplicas de serpentes.

Faixa etária: livre

Sessões: das 10h às 11h

Local: Horto Oswaldo Cruz

30 vagas por sessão. É necessário fazer inscrição e retirar ingresso na bilheteria.

 

A descoberta de Sofia no mundo invisível dos micróbios

A história é narrada pela personagem Sofia, que convida as crianças a entrarem em seu mundo imaginário repleto de seres microscópicos. Por meio da vivência, da indagação e da descoberta, as crianças passam a conhecer esses micróbios e os lugares onde podem ser encontrados.

Faixa etária: crianças de 3 a 6 anos (acompanhadas por um responsável)

Sessões: das 11h30 às 12h30

Local: Museu de Microbiologia

20 vagas por sessão. É necessário fazer inscrição e retirar ingresso na bilheteria.

 

Laboratório aberto

O laboratório didático do Museu de Microbiologia abre suas portas para o público em geral, que poderá conhecer os equipamentos laboratoriais e visualizar ao microscópio amostras celulares não disponíveis na exposição do museu.

Faixa etária: livre

Sessões: das 10h às 12h e das 14h às 16h

Local: Museu de Microbiologia

Retirar ingresso na bilheteria.

 

Jogos

Quebra-cabeças, batalha científica e jogo da memória são alguns dos jogos propostos. Relacionados com a temática e o acervo do Museu Histórico, os jogos incentivam a interação do público com o museu.

Faixa etária: livre

Sessões: das 10h às 12h

Local: Museu Histórico

Retirar ingresso na bilheteria.

 

Caça ao pesquisador

Atividade interativa e intuitiva na qual o visitante, por meio de pistas escondidas no Museu Histórico, irá descobrir sobre o trabalho de alguns pesquisadores/cientistas do Instituto Butantan.

Faixa etária: livre

Sessões: das 14h30 às 16h

Local: Museu Histórico

15 vagas por sessão. É necessário fazer inscrição e retirar ingresso na bilheteria.

 

Mão na cobra

Atividade tradicional do Instituto Butantan, realizada em parceria pelo Museu Biológico e o Laboratório de Ecologia e Evolução. Educadores e especialistas em Herpetologia apresentam ao público serpentes não peçonhentas, que podem ser tocadas.

Faixa etária: livre

Sessões: 21 de janeiro (e todas as quintas-feiras ao longo do ano), das 14h30 às 15h30.

Local: Serpentário

Em caso chuva a atividade será cancelada.

 

23 e 24 de janeiro

 

Do veneno ao soro: extração do veneno de serpentes

O público poderá assistir ao processo de extração de veneno de uma serpente peçonhenta realizada por pesquisadores. Além disso, serão feitas explicações sobre a produção de soros no Instituto Butantan e outros usos do veneno.

Faixa etária: livre

Sessões: das 10h às 11h

Local: Museu Biológico

100 vagas por sessão. É necessário fazer inscrição e retirar ingresso na bilheteria.

 

Contação de histórias

A partir de brincadeiras interativas, o público participará da contação “Histórias da Cobra Grande”, que narra as desventuras de uma cobra misteriosa que, pelo poder da vida, se transformou em luz e fumaça.

Faixa etária: livre

Sessões: das 14h30 às 15h30

Local: Biblioteca (Ed. Vital Brazil)

30 vagas por sessão. É necessário fazer inscrição e retirar ingresso na bilheteria.

 

Caminhada histórica

Apresentação e discussão sobre a história do Instituto Butantan a partir do espaço edificado, tomando sua arquitetura como fonte capaz de indicar o trabalho que se desenvolveu na instituição, além de suas relações com o conteúdo histórico de São Paulo e do Brasil ao longo do século XX.

Faixa etária: livre

Sessões: das 10h30 às 12h

Local: Parque do Instituto Butantan

15 vagas por sessão. É necessário fazer inscrição e retirar ingresso na bilheteria.

Em caso de garoa, ofereceremos capa de chuva. Em caso de chuva, a atividade será cancelada.

 

Laboratório aberto

O laboratório didático do Museu de Microbiologia abre suas portas para o público em geral, que poderá conhecer os equipamentos laboratoriais e visualizar ao microscópio amostras celulares não disponíveis na exposição do museu.

Faixa etária: livre

Sessões: das 10h às 12h e das 14h às 16h

Local: Museu de Microbiologia

Retirar ingresso na bilheteria.

 

Anilhando aves

O Instituto Butantan estuda as aves migratórias e também as que permanecem no parque do Instituto durante todo o ano. Para isto, os pesquisadores regularmente capturam e marcam estas aves com anéis numerados que são colocados em suas patas, permitindo que elas sejam identificadas. A atividade consiste em apresentar ao público como se faz o anilhamento, ou a colocação de anéis de marcação, e como se solta as aves em seguida, para que voltem para a natureza. Os visitantes poderão ver de perto as diferentes aves que podem ser encontradas no parque e conhecer um pouco sobre suas adaptações e como vivem.

Faixa etária: livre

Sessões: 23 de janeiro, das 15h30 às 16h30.

Em caso chuva a atividade será cancelada.

 

#VemPassarinhar

Caminhada para a observação de aves pela floresta do Instituto Butantan, guiada por especialistas, durante a qual os participantes terão a chance de observar entre 30 e 50 espécies de aves em seu ambiente natural. Nesta atividade é possível observar, em vida livre, os hábitos e a diversidade das aves que frequentam esta área verde no meio da cidade. Os participantes também colaboram com a coleta de dados sobre as espécies de aves que existem no parque, normalmente feita pelos pesquisadores do Instituto, e aprendem como as listas de aves feitas por observadores comuns podem ajudar na conservação da natureza. Pede-se que os participantes que possuem binóculos tragam o seu equipamento.

Faixa etária: livre

Sessões: 24 de janeiro, das 7h às 10h.

Em caso chuva a atividade será cancelada.

COMENTÁRIOS