Instituto do Câncer celebra 10 anos com a 4ª edição da Icesp Run

Instituto do Câncer celebra 10 anos com a 4ª edição da Icesp Run

Como parte das comemorações pelo aniversário de 10 anos, o Instituto do Câncer de São Paulo promoveu pelo quarto ano consecutivo, neste domingo (20), na capital paulista, a Icesp Run. A prova de corrida e caminhada foi novamente um sucesso, mobilizando participantes que buscam promover saúde e qualidade de vida.

A largada ocorreu na Praça Charles Miller, no Complexo Esportivo do Pacaembu, e contou com percursos de 5k e 10k para corrida, além da caminhada de 5k. Reuniram-se desde participantes mais experientes nestes tipos de provas até os iniciantes.

A prova é totalmente beneficente e reforça a importância da prática de atividades físicas regulares como medida de prevenção do câncer, uma das metas do Instituto, um dos maiores centros oncológicos da América Latina.

“Nosso objetivo é promover saúde. E o esporte é uma forma bastante poderosa de prevenir doenças como o câncer”, Roger Chammas, presidente do conselho diretor do Icesp.

A verba arrecadada com as inscrições será integralmente revertida para projetos de assistência, pesquisa e humanização do Icesp.

Para o oncologista Paulo Hoff, diretor geral do Icesp, é papel do Instituto e dos profissionais de saúde “incentivar a adoção de hábitos saudáveis e de uma vida menos sedentária, uma vez que a atividade física é uma grande aliada quando se fala em prevenção do câncer”.

O assessor de diretoria do Icesp conta que a ideia é exatamente esta, ou seja, “fazer com que a população participe da prevenção, no caso a atividade física”.

Boa parte do público participante estava engajado com a causa, como o enfermeiro Joab Julião Jesuíno. “É muito interessante, pois é uma forma de incentivar a saúde por meio do esporte, que por sua vez ajuda a reduzir uma série de doenças. Além disso, reúne gente de todas as idades. É muito divertido”, conta ele

O Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), unidade do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e ligada à Secretaria de Estado da Saúde, possui atualmente cerca de 50 mil pacientes ativos.

COMENTÁRIOS