Maternidade ‘Leonor’ comemora 75 anos com ação cultural no Parque do Belém  

Maternidade ‘Leonor’ comemora 75 anos com ação cultural no Parque do Belém   

O Hospital Maternidade Leonor Mendes de Barros completa 75 anos neste mês de agosto e, para celebrar, promoveu entre os dias 16 e 18 de agosto, no Parque Estadual do Belém, um evento artístico e cultural, com música, grafite e outras atividades.

Mais de 70 artistas trabalharam voluntariamente no grafite feito no muro posicionado entre os fundos do hospital e a lateral do parque, colorindo uma área de aproximadamente 700 m².

Referência

A unidade hospitalar, referência em gravidez de alto risco, está localizada na zona Leste de São Paulo e pertence à Secretaria de Estado da Saúde. O Parque do Belém está entre os espaços de lazer mantidos pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo. O endereço é Avenida Celso Garcia, 2477, no Belenzinho.

Além de prestar assistência médica hospitalar e promover atividades de ensino e pesquisa nas áreas de saúde da mulher e dos recém-nascidos, o hospital tem princípios embasados na qualidade. Ao longo dos seus 75 anos, o “Leonor’ realizou mais de 500 mil partos. Somente em 2018, foram mais de 52,6 mil consultas, 7,7 mil internações, 74,5 mil exames e 3,6 mil cirurgias.

O diretor técnico do Hospital Maternidade Leonor Mendes de Barros, Coríntio Mariani Neto, garante que o aprimoramento é constate. “Buscamos ser um centro de excelência incentivando valores como ética, competência, respeito e compromisso”, afirma.

“Parabenizamos o ‘Leonor’ pelo importante trabalho nas áreas de ensino, pesquisa e assistência ao público-materno infantil, e por suas práticas exemplares de humanização”, destaca o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann Ferreira.

O hospital foi fundado em 15 agosto de 1944.

Voluntariado

Também em agosto, no dia 1º,  a Associação de Voluntários do HMLMB (Vomat) completou 18 anos de atuação na unidade. Conta com cerca de 100 voluntários(as) que atuam nas dependências do hospital, acolhendo as pacientes em momentos de vulnerabilidade.

Além disso, há quase duas décadas, a maternidade mantém o título outorgado pela OMS e pelo UNICEF de “Hospital Amigo da Criança” pelo incentivo e promoção ao Aleitamento Materno, além de abrigar o Cetro de Referência em Bancos de Leite Humano (BLH) para a Região Metropolitana de São Paulo.

COMENTÁRIOS