Médicos residentes do Icesp ficam entre os 5 melhores do mundo

Médicos residentes do Icesp ficam entre os 5 melhores do mundo

Prova internacional contemplou mais de 200 programas de residência médica; equipe do hospital estadual teve aproveitamento de 75%

Os residentes de oncologia clínica do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), unidade ligada à Secretaria de Estado da Saúde e à Faculdade de Medicina da USP, ficaram entre os cinco melhores do mundo no exame anual da Sociedade Americana de Oncologia Clínica (ASCO).

A prova, que contemplou mais de 200 programas de residência em oncologia clínica, foi realizada por quase dois mil profissionais de todo o mundo e contou com a participação de 29 residentes do hospital. O Instituto superou em 10 pontos percentuais a média geral, obtendo um aproveitamento de 75% e colocando o Icesp, uma instituição brasileira, em uma posição inédita nesse tipo de avaliação.

Conectados a uma plataforma digital, ao longo de cinco horas, os participantes responderam, em inglês, a 200 questões de múltipla escolha que abrangem todas as áreas de conhecimento no campo oncológico.

O exame é uma ferramenta valiosa para as instituições avaliarem o conhecimento dos profissionais, além de ajudar a estabelecer a consistência dos padrões educacionais e a mapear as dificuldades individuais.

“Esse resultado nos mostra a qualidade dos residentes do Icesp, que apresentaram um desempenho excepcional na avaliação da ASCO, nos colocando entre os cinco melhores do mundo”, ressalta Paulo Hoff, diretor geral do Instituto.

COMENTÁRIOS