“Padre Bento” tem inscrições abertas para evento sobre dermatite atópica

“Padre Bento” tem inscrições abertas para evento sobre dermatite atópica

O Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos promove, no dia 28 de setembro, o evento Dermatite Atópica – Abordagem Geral da Pele Seca, com o objetivo de alertar a população sobre as causas, riscos e medidas de prevenção. As inscrições estão abertas.

Profissionais da saúde, residentes, pacientes e seus familiares podem participar da atividade, organizada em comemoração ao Dia da Conscientização da Dermatite Atópica (23 de setembro).

Durante a programação, serão realizadas palestras interativas, proporcionadas por uma equipe multidisciplinar formada por dermatologistas, psicólogos e fisioterapeutas. Os profissionais abordarão temas como conceitos sobre pele seca e fatores psicológicos de um portador de dermatite atópica. Os inscritos terão acesso também a depoimentos, sessão de perguntas e respostas e um workshop que conta com relaxamento e automassagem.

“A dermatite atópica é uma doença que causa tanto incômodo físico quanto emocional nos pacientes, e por isso é tão importante que a população esteja conscientizada sobre as causas, riscos e conceitos de hidratação de pele voltada a prevenção”, explica o dermatologista Mario Cezar Pires.

O evento terá início às 8h30 e ocorre no Anfiteatro do Complexo Hospitalar Padre Bento, localizado na Av. Emílio Ribas, 1819 – Gopouva, em Guarulhos. Há 60 vagas. As inscrições são gratuitas, limitadas e podem ser feitas através do telefone (11) 2463-5765 ou presencialmente na unidade.

Prevenção

Além da hidratação oral, é importante hidratar o corpo. Pessoas com pele mais sensível, que tenham doenças de pele ou pré-disposição a desenvolvê-las também podem ter agravamento de sintomas durante o clima seco.

Para a dermatologista do Instituto Central do HCFMUSP, Tatiana Villas Boas Gabbi, a pele seca é resultado de poluentes que ficam dissolvidos no ar e sentidos, principalmente, pelas pessoas que já têm tendência à desidratação.

“Para amenizar este efeito de ressecamento, além da importância de beber água, é necessário utilizar um hidratante corporal todos os dias. Além disso, evitar banhos quentes e esfoliações, pois retiram a gordura natural da pele”, conclui a especialista.

A médica destaca ainda a necessidade da hidratação corporal para os idosos pois, com o avanço da idade, as pessoas tendem a perder a oleosidade da pele, favorecendo o ressecamento. Portadores de doenças de pele crônicas, como a própria dermatite atópica e ceratose tendem a ter seu quadro agravado e devem sempre procurar a orientação de seus médicos para tratamentos específicos.

COMENTÁRIOS