Projeto ‘Solidariedade em Fios’ recebe doação de cabelo para perucas da Prodesp

Projeto ‘Solidariedade em Fios’ recebe doação de cabelo para perucas da Prodesp

A Prodesp doou 35 mechas de cabelos para o projeto “Solidariedade em Fios” do Fundo Social de São Paulo, que confecciona próteses para pacientes em tratamento contra o câncer. Os kits de cabelo foram arrecadados durante o período de um mês e doados por funcionários e colaboradores da empresa.

As mechas recebidas farão parte do curso profissionalizante gratuito de prótese capilar para cabeleireiros e auxiliares da Escola de Beleza, Estética e Bem-Estar do Fussp.

“Muitas mulheres não fazem o tratamento porque não querem perder o cabelo. Por isso, além de elevar a autoestima das pacientes, a ideia das aulas é ensinar uma nova profissão às cabeleireiras”, explica a coordenadora do programa, Flávia Crema.

Primeiro cacheado

Em Junho, o projeto “Solidariedade em Fios”, do Fundo Social, produziu a primeira prótese capilar com processo artificial.

A paciente Eunice Rodrigues procurou a Escola de Beleza, Estética e Bem-Estar em busca de uma prótese semelhante ao seu cabelo, e a aluna Denise Alexandre se comprometeu a transformar a mecha lisa em cacheada através do processo de cozimento dos fios.

Para Eunice, que aprovou a prótese, o projeto veio para tornar o período de tratamento dos pacientes menos doloroso: “A nossa autoestima é a maior aliada neste momento da vida; se estivermos com ela em alta, pouca coisa irá nos abalar e a peruca traz isso à todas nós: força, feminilidade e beleza!”

Participe

Para a confecção de uma peruca, o mínimo doado deve ser de 15 centímetros de mecha e pode ser realizado por qualquer pessoa. Os interessados em doar podem agendar uma visita ao Fundo Social pelos telefones (011) 2188-5749 / 2588-5783.

Sobre o projeto

O Solidariedade em Fios, iniciado em novembro de 2017, é uma parceria do Fundo Social de São Paulo com o Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP) focado na confecção de próteses capilares para serem doadas para pacientes.

Até agora já foram doadas mais de cem perucas. Todas as mechas encaminhadas são cadastradas e o doador recebe o número de identificação, assim ele pode acompanhar o caminho do seu cabelo até a entrega a um paciente.

COMENTÁRIOS