Pronto-Socorro do HC de Botucatu promove treinamento sobre comunicação e humanização

Pronto-Socorro do HC de Botucatu promove treinamento sobre comunicação e humanização

Na última quarta-feira (19), o Pronto-Socorro Adulto (PSA) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) recebeu um treinamento sobre Estratégias de Comunicação Eficaz e Humanização no Atendimento em Pronto-Socorro, realizado em parceria com a Gerência de Enfermagem e o Núcleo de Capacitação, Treinamento e Desenvolvimento (NUCADE) do Departamento de Gestão de Pessoas (DGP) do HCFMB.

O treinamento faz parte do processo de educação continuada existente na unidade desde 2019, quando o PSA foi integrado à Gerência de Enfermagem, e envolveu técnicos de enfermagem, enfermeiros, atendentes, agentes de humanização e controladores de acesso para estabelecer estratégias de comunicação com os usuários, reforçar a importância da humanização no atendimento de pacientes e familiares e mostrar métodos de interação.

Em sua palestra, Lucelene de Barros Ramos, coordenadora do Núcleo de Serviço Social do HCFMB, apresentou a Política Nacional de Humanização e os seus principais conceitos e métodos, integrados às técnicas de comunicação na assistência à Saúde. Os participantes puderam expressar suas opiniões e tirar dúvidas sobre o assunto, além de vivenciarem uma dinâmica de discussão de casos. “É necessário exercitarmos uma comunicação clara e expressiva que contribui no atendimento ao paciente e isto ajuda a fortalecer a equipe. Fico feliz em poder contribuir para uma assistência de melhor qualidade”, relata Lucelene.

A gerente do Núcleo das Unidades Especiais da Gerência de Enfermagem Darlene Bravim Cerqueira enfatizou o sucesso da proposta de educação continuada no PSA. “Identificamos a necessidade de fazer aqui o mesmo projeto que é aplicado no HC, com temas solicitados pela própria equipe e outros que precisamos abordar em relação a processos de trabalho. O resultado tem sido positivo, pois sentimos a motivação e a participação ativa dos funcionários”, disse.

Já Priscylla Oliveira Lima Prado, coordenadora da equipe de Enfermagem do PSA, ressaltou que comunicação eficaz e humanização caminham sempre juntas. “Os próprios servidores se interessaram pelo tema, para saber a forma de se colocar perante os pacientes, com empatia, credibilidade e se fazendo entender da melhor forma. O treinamento foi muito produtivo e mostrou que é possível humanizar a assistência em uma unidade de urgência e emergência como a nossa”, finalizou.

COMENTÁRIOS