Saúde convoca municípios e define ações de combate à dengue

Saúde convoca municípios e define ações de combate à dengue

Medidas de combate e conscientização serão abordadas durante encontro promovido pela Secretaria de Estado da Saúde. Na ocasião, também será lançada a “Semana Estadual de Mobilização contra a Dengue” de 2014

 

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo promove nesta quarta-feira (12), o encontro “Novos e velhos desafios: o estado de São Paulo prepara ações para o enfrentamento da dengue e chikungunya”.

O evento, que ocorre entre as 11h e 13, visa abordar ações de prevenção e combate a ambas as doenças, estreitar a articulação entre os órgãos envolvidos e pactuar ações relevantes para a proteção da população paulista. Na ocasião, representantes estaduais e federais apresentarão panoramas de ambas as doenças em SP, no Brasil e no mundo.

Gestores das 645 cidades paulistas foram convidados, e é fundamental que todos compareçam – sobretudo representantes dos 281 municípios que estão fases inicial e/ou de alerta para transmissão da dengue. Desse total, 36 cidades estão em fase de alerta e abrangem 14 Departamentos Regionais de Saúde (DRS), com exceção das regionais de Franca, Registro e Capital. Estão em fase inicial de transmissão 245 municípios, dos 17 DRSs. No encerramento do evento, será lançada a Semana Estadual de Mobilização Contra a Dengue, prevista para ocorrer entre os dias 17 e 24 deste mês.

A intenção é que, durante sete dias, as Prefeituras paulistas executem ações pré-definidas para combate à dengue. Essas medidas serão definidas por cada município, conforme as características locais, e podem incluir divulgação de informações sobre sinais e sintomas da doença, mobilização para combate a criadouros, palestras, entre outras atividades que envolvam a população.

Entre janeiro e setembro de 2014, foram confirmados 179.510 casos autóctones de dengue em todo o Estado. O balanço indica queda de 10% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram confirmados 200.805 casos. A intenção da “Semana de Mobilização” é reduzir ainda mais os índices.

“Queremos compartilhar conhecimentos, experiências e criar medidas em conjunto com todos os gestores de saúde de SP. Assim, podemos definir, em conjunto, ações de combate e conscientização, tendo em vista a saúde da população paulista”, destaca o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, David Uip.

O encontro “Novos e velhos desafios: o estado de São Paulo prepara ações para o enfrentamento da dengue e chikungunya” acontecerá no Centro de Convenções Rebouças, que fica na avenida Rebouças, 600, Cerqueira César, zona Oeste de São Paulo.

 

 

COMENTÁRIOS