Saúde promove mutirão contra obesidade no Parque Villa-Lobos

Saúde promove mutirão contra obesidade no Parque Villa-Lobos

Profissionais de saúde realizarão testes de massa corpórea e atividades educativas, gratuitamente

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo promove neste domingo, 11 de outubro, uma série de atividades e ações educativas sobre obesidade no Parque Villa-Lobos, zona oeste da capital paulista.

O evento, em alusão ao Dia Mundial de Combate à Obesidade e Nacional de Prevenção da Obesidade, visa chamar a atenção e sensibilizar a população sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce da obesidade e a importância de atividades físicas para prevenção de doenças ocasionadas pelo sobrepeso.

Com início previsto para as 9h na entrada principal do parque (entrada das bicicletas) e encerramento às 15h, a ação contará com alunos e professores de nutrição da FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas) realizando medições de altura, peso e circunferência abdominal para cálculo do IMC (Índice de Massa Corporal) da população.

O público do parque também terá à disposição, em parceria com a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (ABESO), médicos pediatras realizando o cálculo de “Curva de Crescimento” nas crianças.

A “Curva de Crescimento” é um método que calcula uma média entre idade e peso ou idade e altura. O resultado aponta se a criança está se desenvolvendo corretamente e se o seu peso está dentro dos parâmetros recomendados para o tamanho e idade.

Além disso, as crianças irão participar de atividades recreativas no local. Com a orientação de professores de educação física, bolas e bambolês serão distribuídos para incentivar o hábito de exercícios físicos desde cedo.

Haverá, ainda, a distribuição de folders com informações sobre como prevenir a obesidade e orientações de alimentação, exercícios e práticas saudáveis, tanto para adultos quanto para crianças.

“Esta iniciativa é essencial para conscientização da população e um alerta sobre os riscos e consequências da obesidade, que pode causar inúmeros problemas de saúde e afetar a qualidade de vida das pessoas”, diz o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, David Uip.

COMENTÁRIOS