Saúde realiza mutirão de testes de HIV no metrô Tatuapé nesta quinta (11)

Saúde realiza mutirão de testes de HIV no metrô Tatuapé nesta quinta (11)

Além da testagem, serão ofertados preservativos masculinos e femininos e sachês de gel lubrificante; serviço acontece até 15h30 desta quinta-feira (11)

Nesta quinta-feira (11), até as 15h30, passageiros poderão realizar testagem para HIV, no metro Tatuapé. A Secretaria de Estado da da Saúde, por meio do Centro de Referência e Treinamento (CRT) de Doenças Sexualmente Transmissíveis DST/Aids-SP, ofertará 300 testes para HIV por fluido oral, além de distribuição de 7.200 preservativos masculinos, 1.000 femininos e 4mil sachês de gel lubrificante.

Foram mobilizados 40 profissionais do CRT DST/Aids-SP para a ação gratuita. Os exames serão realizados por profissionais de saúde e o resultado estará disponível no mesmo dia.“Os testes são gratuitos, confiáveis e não requerem jejum”, declara Artur Kalichman, coordenador do Programa Estadual DST/Aids-SP. “A testagem é indicada para todos que tiverem vida sexual ativa, mas em especial para a população mais vulnerável, ou seja, homossexuais masculinos, profissionais do sexo, travestis e transexuais”, completa.

A vantagem do teste rápido é que os mesmos podem ser realizados em poucos minutos. Assim possibilita que a população tenha acesso ao seu resultado de forma ágil, no mesmo dia. Caso o teste dê positivo, o paciente pode ser encaminhado imediatamente para a referência assistencial e iniciar ao tratamento de forma precoce. No caso de resultado negativo, a pessoa pode refletir e gerenciar as estratégias de prevenção disponíveis que melhor se adequem ao seu momento e contexto de vida.

Uma das diretrizes do Programa DST/AIDS é a realização e ampliação da testagem nas mais diversas oportunidades. As campanhas e ações extramuros com vistas a diversos locais para testagem, possibilita chegar ao diagnóstico de forma precoce. “O teste anti-HIV é hoje uma ferramenta estratégica de prevenção e seu resultado é essencial para a prevenção da transmissão vertical do HIV, realização de acordos entre casais, indicação da Profilaxia Pós-Exposição de Risco (PEP), tratamento como prevenção primária e para a discussão de prevenção combinada e gestão de risco”, ressalta Kalichman.

O teste pode ser realizado o ano todo. Mais orientações sobre testagem e serviços podem ser obtidas aqui ou pelo serviço Disque DST/Aids: 0800 162550.

COMENTÁRIOS