SP ganha nova Casa da Aids

SP ganha nova Casa da Aids

Localizada em Pinheiros, unidade atenderá cerca de 2,5 mil pacientes e também será espaço para desenvolvimento acadêmico-científico 

        A Secretaria de Estado da Saúde entrega nesta quarta-feira, 2 de julho, a nova sede do Serviço de Extensão para Atendimento de Pacientes HIV/Aids – Casa da Aids do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

Com investimento de R$ 500 mil para adequação de espaço, a unidade fica na Rua Ferreira de Araujo, 789,  em Pinheiros. Num espaço de 280 m2, a Casa da Aids funcionará de segunda à sexta-feira, das 8h às 20h.

Com expectativa de atender cerca de 2,5 mil pacientes, oriundos do Instituto de Infectologia Emílio Ribas e da antiga unidade de atendimento da Rua Frei Caneca, a Casa da Aids ofertará acompanhamento ambulatorial multidisciplinar com atendimentos nas áreas médica, psicológica e de serviço social. Também oferecerá teste rápido de HIV para a população em geral.

Espaço composto por sete consultórios médicos, farmácia (antirretrovirais e medicamentos diversos) e salas para atendimento psicológico, serviço social, medicação, repouso e pré e pós consulta, o serviço contará com uma equipe de 50 profissionais, formada por médicos, enfermeiros, farmacêuticos, dentistas, psicólogos, assistentes sociais, técnicos de enfermagem e funcionários administrativos.

Com perspectiva de realizar aproximadamente 15 mil consultas anuais, o local também será um espaço de desenvolvimento acadêmico-científico, com a oferta da disciplina de moléstia infecciosa pela Faculdade de Medicina da USP e de capacitação e treinamento de residentes, aprimorandos e pós-graduandos das áreas de medicina, enfermagem, farmácia e serviço social pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.

“A nova Casa da Aids será um espaço dedicado ao atendimento humanizado e à discussão de novas técnicas de tratamento de pacientes soropositivos”, afirma o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, David Uip.

COMENTÁRIOS